O que é Fibrose Cística?

Pulmão HumanoDoença hereditária autossômica recessiva, que afeta o funcionamento das glândulas exócrinas, produtoras de muco, suor, saliva, lágrimas e suco gástrico. O cromossomo responsável pela produção de uma proteína que regula o funcionamento de todas essas glândulas é afetado por uma mutação que também prejudica o transporte de muco.

Conhecida como mucoviscidose, a doença se manifesta com mais frequência na infância. O diagnóstico é dado quando o paciente apresenta muitos problemas respiratórios, insuficiência pancreática e histórico da doença na família.

A fibrose cística prejudica o funcionamento do pulmão, pois a falta de muco o resseca e facilita infecções, o que obstrui a passagem de ar. A quantidade insuficiente de secreção também prejudica o sistema digestório porque o pâncreas não consegue cumprir sua função.

Sintomas da Fibrose Cística

 Tosse;

Expectoração de muco em excesso;

Dificuldade para respirar;

Chiado no peito;

Fortes cólicas intestinais;

Insuficiência pancreática;

Tratamentos para Fibrose Cística

Vários ComprimidosO tratamento é voltado para a solução dos sintomas e das sequelas que a doença pode causar. Para que os problemas no processo digestório não ocorram, há um tratamento com enzimas que auxilia o funcionamento do pâncreas e do intestino. Por outro lado, uma dieta bem elaborada e balanceada também pode contribuir para saúde de quem sofre com a fibrose cística.

Em relação as doenças respiratórias, o uso de medicamentos que afinam as secreções auxilia o funcionamento do pulmão e diminui a incidência de infecções. Em alguns casos, é necessário fazer drenagem para retirar o excesso de muco pastoso que se aloja nas paredes do pulmão e prejudica as vias respiratórias.

Quando as infecções por bactérias afetam o paciente com fibrose cística, a única maneira de tratar é tomar antibióticos para que o quadro não evolua. Dessa forma, há uma variedade de tratamentos para diminuir a incidência dos sintomas da fibrose, mas não promovem a cura da doença.